O mandamento do sábado é um sinal apenas com Israel?

Muitos entendem de que o mandamento do sábado era um sinal apenas como povo de Israel. Mas o que uma análise mais profunda nos revela?


O Sábado foi um sinal apenas com Israel?


Existe em grande parte do mundo cristão o entendimento de que o mandamento do descanso do sétimo dia foi um sinal apenas para o povo de Israel.

Mas vamos analisar neste estudo a verdade sobre este assunto.

"Diga aos israelitas que guardem os meus sábados. Isso será um sinal entre mim e vocês, geração após geração, a fim de que saibam que eu sou o Senhor, que os santifica." - Êxodo 31:13

A partir deste e outros versos isolados se monta um entendimento que de fato o mandamento da guarda do sétimo dia foi estabelecido como um sinal unicamente entre Deus e o povo de Israel. Mas será que uma análise dentro do contexto bíblico sustenta tal afirmação? É o que vamos ver!

Devemos de início enxergarmos de que o mandamento do sábado trata-se de um memorial a criação de toda a vida existente na Terra.

Vamos analisar dois textos bíblicos que se tornam paralelos em sua essência.

"Lembra-te do dia de sábado, para santificá-lo. Trabalharás seis dias e neles farás todos os teus trabalhos, mas o sétimo dia é o sábado dedicado ao Senhor teu Deus. Pois em seis dias o Senhor fez os céus e a terra, o mar e tudo o que neles existe, mas no sétimo dia cessou Sua obra. Portanto, o Senhor abençoou o sétimo dia e o santificou." - Êxodo 20:8-11

"Assim foram concluídos os céus e a terra, e tudo o que neles há. No sétimo dia Deus já havia concluído a obra que realizara, e nesse dia descansou. Abençoou Deus o sétimo dia e o santificou, porque nele descansou de toda a obra que realizara na criação." - Gênesis 2:1-3

Então aqui está claramente apresentado que o descanso do sétimo dia trate-se de um memorial da criação da vida.

Se o mandamento do sábado fosse um sinal apenas com o povo de Israel, os gentios (estrangeiros), não teriam necessidade ou obrigação de guarda-lo. Mas não é essa situação que vemos nas escrituras.

"Vocês terão a mesma lei para o estrangeiro e para o israelita. Eu sou o Senhor, o Deus de vocês". - Levítico 24:22

"E os estrangeiros que se unirem ao Senhor para servi-lo, para amarem o nome do Senhor e para prestar-lhe culto, todos os que guardarem o sábado sem profaná-lo, e que se apegarem à minha aliança, esses eu trarei ao meu santo monte e lhes darei alegria em minha casa de oração. Seus holocaustos e seus sacrifícios serão aceitos em meu altar; pois a minha casa será chamada casa de oração para todos os povos". - Isaías 56:6,7

Mas então por que está mencionado nas escrituras que o sábado é um sinal entre Deus e o povo de Israel?

Vamos ler uma parte do livro de Deuteronômio:

"E estas palavras, que hoje te ordeno, estarão no teu coração; E as ensinarás a teus filhos e delas falarás assentado em tua casa, e andando pelo caminho, e deitando-te e levantando-te. Também as atarás por sinal na tua mão, e te serão por frontais entre os teus olhos." - Deuteronômio 6:6-8

Esta passagem é a continuação de Deuteronômio capítulo 5, onde Deus estava exortando ao Seu povo a guardar todos os Seus mandamentos que então, são um sinal entre eles.

Vemos então que todos os mandamentos de Deus servem para firmar um sinal, uma aliança. Não matar, não roubar, não adulterar e etc...

"Agora, se me obedecerem fielmente e guardarem a minha aliança, vocês serão o meu tesouro pessoal dentre todas as nações. Embora toda a terra seja minha, vocês serão para mim um reino de sacerdotes e uma nação santa'." - Êxodo 19:5,6

O propósito de Deus ter revelado Seus mandamentos era de constituir uma nação santa, separada das demais.


Como disse Cristo em Marcos 2:27

E então lhes disse: "O sábado foi feito por causa do homem, ...  -  Marcos 2:27

Analisando na forma original em que esta passagem foi escrita (grego koiné), notamos que a palavra descrita como "do homem" em nossa tradução, é a palavra grega ἄνθρωπος (antrophos), que tem como seu significado de ser humano.


Se o mandamento do sábado então fosse um sinal apenas com Israel, todos os outros mandamentos também seriam. E bem sabemos que os mandamentos de Deus nos afastam do pecado e nos aproximam Dele.


Porque nisto consiste o amor a Deus: obedecer aos seus mandamentos. E os seus mandamentos não são pesados.  -  1 João 5:3