Não se aplica a lei aos justos!


Esta afirmação em 1 Timóteo 1:9 significa que a lei não existe mais para os cristãos?


NÃO SE APLICA A LEI AOS JUSTOS


ESTA AFIRMAÇÃO DE PAULO SIGNIFICA DE QUE NÃO EXISTE MAIS LEI A SER CUMPRIDA?

"Sabendo isto, que a lei não é feita para o justo, mas para os injustos e obstinados, para os ímpios e pecadores, para os profanos e irreligiosos, para os parricidas e matricidas, para os homicidas,para os devassos, para os sodomitas, para os roubadores de homens, para os mentirosos, para os perjuros, e para o que for contrário à sã doutrina," - 1 Timóteo 1:9,10 

Muitos irmãos utilizam deste versículo isoladamente para pregar que à um cristão não se aplica mais a lei de Deus.

Será mesmo que é essa a mensagem que o apóstolo deseja transmitir?

Muito pelo contrário. Esta é mais uma prova de que as leis morais de Deus nunca foram abolidas.

A única maneira de contrabalançar esta "prova" seria alegar que os assassinos e mentirosos, por exemplo, devem obedecer à lei, ao passo de que os cristãos estão isentos dela. Seríamos levados a esta estranha conclusão seguindo o raciocínio dos que usam tal versículo para apoiar o abolimento da lei de Deus.

Mas até mesmo esta defesa do ponto de vista anti-lei é inútil. Podem até os mais piedosos justos afirmar corretamente que jamais cometeram pecado? Não. Mesmo os maiores santos tiveram de reclamar repetidamente a confortadora promessa que nos diz:

"Se, todavia, alguém pecar, temos Advogado junto ao Pai, Jesus Cristo, o Justo." - 1 João 2:1.

E o mesmo apóstolo que escreveu esta promessa também escreveu:

"Pecado é a transgressão da lei de Deus" - 1 João 3:4.

➥ Sim, pecado é exatamente a transgressão da lei de Deus.


VAMOS AGORA ANALISAR O TEXTO DE 1 TIMÓTEO 1:9 NA FORMA ORIGINAL EM QUE FOI ESCRITO

εἰδὼς τοῦτο, ὅτι δικαίῳ νόμος οὐ κεῖται, ἀνόμοις δὲ καὶ ἀνυποτάκτοις, ἀσεβέσι καὶ ἁμαρτωλοῖς, ἀνοσίοις καὶ βεβήλοις, πατρολῴαις καὶ μητρολῴαις, ἀνδροφόνοις,

(eidōs touto hoti dikaiō nomos ou keitai anomois de kai anypotaktois asebesi kai hamartolois anosiois kai bebelois patroloais kai metroloais androphonois)


Note que grifei no texto grego duas palavras: δικαίῳ (dikaiō) e ἀνόμοις (anomois)

Que tem seus significados:

  • δικαίῳ (dikaiō): cumpridor da lei, obediente à lei - (ref. G1342)

  • ἀνόμοις (anomois): sem lei, transgressor da lei - (ref. G459)


✔ Vamos ver agora, como fica o texto bíblico:

"Também sabemos que ela não é feita para os cumpridores da lei, mas para os transgressores da lei; insubordinados, para os ímpios e pecadores, para os profanos e irreverentes, para os que matam pai e mãe, para os homicidas," - 1 Timóteo 1:9

Lendo este versículo da forma fiel ao escrito original já é possível extrairmos a verdadeira mensagem que o escritor desejou transmitir.


Mas vamos analisar também o verso anterior (8):

"Sabemos, porém, que a lei é boa, se alguém dela usa legitimamente;" - 1 Timóteo 1:8

Deixando de lado o que nos ensinaram sobre tal texto e o que entendíamos a respeito e analisarmos o seu contexto chegaremos facilmente a conclusão de que para àquele que cumpre a lei de Deus, tal não lhe trará nenhuma condenação.

Não há realmente nada difícil de compreender sobre esse texto. É uma simples declaração concernente ao propósito da lei que cada juiz, legislador ou leigo hoje concordaria em assuntos civis e religiosos. Para quem são nossas leis criminais estabelecidas? Para os cidadãos de bem? Não, para os transgressores.

Mas está o cidadão cumpridor da lei livre dos requisitos dos códigos civis? Não.

O fato da lei não ter suas penalidades aplicadas aos cumpridores e sim, aos transgressores, em hipótese nenhuma deve ser entendido de que tal não existe ou não tem mais validade.

Isso não faz nenhum sentido.

Faça os downloads do estudo