Cristo desfez os Dez Mandamentos de Deus ?


De fato o livro de Efésios 2:14-15 realmente nos transmite a mensagem de que Cristo desfez os dez mandamentos de Deus?

CRISTO DESFEZ OS DEZ MANDAMENTOS?


Estaria o apóstolo paulo afirmando que Cristo desfez os dez mandamentos de Deus em Efésios 2:15?

Primeiramente vamos isolar o texto em questão da mesma forma que muitos cristãos fizeram para chegar em tal conclusão.

"Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio. Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem, fazendo a paz" - Efésios 2:14,15 


O texto do verso 15 é o ápice desta confusão. Não pela genuína mensagem, mas por três situações que a distorce.

  1. A falta do entendimento sobre as "leis cerimoniais" (de tabernáculo), e suas ordenanças.

  2. A falta de análise contextual das escrituras e sim, apenas leitura de versículos isolados.

  3. A forma da montagem das palavras no texto e a escolha de alguns significados na tradução.



NESTE ESTUDO VOU BUSCAR EQUILIBRAR ESTA PASSAGEM BÍBLICA DENTRO DA DOUTRINA E CONTEXTO

★ LEIS CERIMONIAIS - a circuncisão ★

Cerimônia ritualística praticada para a inclusão do israelita ou estrangeiro na aliança com Deus no antigo pacto. Realizada nos homens; onde era retirado o prepúcio.

Era uma ordenança cumprida na carne.

Quem não fosse circuncidado, não fazia parte da aliança e era excluído da promessa de Deus.

Vamos agora analisar uma parte dos textos que precedem os versículos 14 e 15; para que alcancemos um entendimento compatível com o propósito da mensagem do apóstolo.


Vamos analisar Efésios 2:11-12

"Portanto, lembrai-vos de que vós noutro tempo éreis gentios na carne, e chamados incircuncisão pelos que na carne se chamam circuncisão feita pela mão dos homens; que naquele tempo estáveis sem Cristo, separados da comunidade de Israel, e estranhos às alianças da promessa, não tendo esperança, e sem Deus no mundo."

➠ Prestando bem atenção no texto acima, vemos que Paulo diz aos gentios que antes do sacrifício de Cristo, por não serem circuncidados na carne, eles estavam separados da promessa e da aliança que Deus tinha com Seu povo.


Vamos analisar agora, Efésios 2:13

"Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto."

➠ Então conforme diz o próprio texto acima; graças ao sacrifício do messias, os gentios estão aproximados de Israel.


Vamos analisar agora, Efésios 2:14

"Porque ele é a nossa paz, o qual de ambos os povos fez um; e, derrubando a parede de separação que estava no meio"

➠ Enfim, neste verso 14, se inicia a explicação de como os gentios são inseridos na aliança com Deus.


Conforme lemos nos versos anteriores, qual "parede" é essa que fazia a separação entre os gentios e a aliança de Deus? A circuncisão .

A mensagem nos esclarece que com o sacrifício de Cristo os dois povos; circuncisos (israelitas) e incircuncisos (gentios), estão ligados como um só povo na Nova Aliança. Pois Cristo desfez a inimizade (separação), que a ordenança da circuncisão fazia entre os gentios e Deus.

"Porque todos quantos fostes batizados em Cristo já vos revestistes de Cristo. Nisto não há judeu nem grego; não há servo nem livre; não há macho nem fêmea; porque todos vós sois um em Cristo Jesus. E, se sois de Cristo, então sois descendência de Abraão, e herdeiros conforme a promessa." - Gálatas 3:27-29

Acima, a palavra nos diz que através de Cristo não há mais separação entre judeus e gentios. O batismo então se tornou uma circuncisão espiritual (Colossenses 2:11), findando a necessidade da ordenança da circuncisão na carne.


Vamos analisar agora, Efésios 2:15

O que pode nos passar a falsa impressão de que os dez mandamentos foram abolidos por Cristo é este versículo 15.


Irei lhe apresentar agora uma segunda opção de montagem segundo os significados também válidos das palavras escritas no texto original que melhor se encaixará no contexto bíblico.


❖ Efésios 2:15 - Grego Koiné

" τὸν νόμον τῶν ἐντολῶν ἐν δόγμασιν καταργήσας, ἵνα τοὺς δύο κτίσῃ ἐν αὑτῷ εἰς ἕνα καινὸν ἄνθρωπον ποιῶν εἰρήνην,"


➟ Tradução direta: "a inimizade por esta carne Ele a lei das ordenanças em doutrina desfez para que os dois formar por dEle um novo homem fazendo paz"


Eu grifei inicialmente a palavra ἐντολῶν (entole), pois ela está traduzida como mandamentos. Porém este não é o único significado dela.


* ἐντολῶν (entole) - Ref. Strong G1785

Têm como significados: ordem, ordenança, comando, dever, preceito, injunção, mandamento.


❖ Vamos agora à tradução seguindo o texto originalmente mais fielmente aos significados dentro dos significados e contexto:

"a inimizade pela carne através destas ordenanças doutrinárias da lei, Cristo desfez. Para que dos dois (povos), formasse através dEle um novo homem; trazendo a paz com Deus,"


OBS: "inimizade pela carne" = circuncisão


Reveja a diferença na tradução que temos em nossa bíblia:

"Na sua carne desfez a inimizade, isto é, a lei dos mandamentos, que consistia em ordenanças, para criar em si mesmo dos dois um novo homem,"


OBS: A tradução encontrada em nossa bíblia não está errada idiomaticamente falando. O equívoco perante o contexto, foi na escolha de alguns significados que passaram a transmitir uma falsa idéia de que ali estava se referindo aos dez mandamentos de Deus.

A forma de tradução que apresentei além de estar também totalmente de acordo com o texto original, nos traz uma clareza e significado maior dentro do contexto apresentado pelos versículos anteriores.

Pois a mensagem que Efésios 2 nos pretende passar não é que Cristo desfez os dez mandamentos de Deus e sim, que através do Seu sacrifício, os gentios não estão mais separados de Deus por serem incircuncisos na carne.

E analisando as tábuas dos dez mandamentos em Êxodo 20:3-17, não vemos nada sobre a circuncisão pois tal ordenança era um ritual de cunho religioso (cerimonial de tabernáculo).

______________________

MAS SERÁ QUE OS DEZ MANDAMENTOS DE DEUS COLOCAM O HOMEM EM INIMIZADE CONTRA ELE?


Vamos analisa-los:

1. Não terás outros deuses diante de mim.

2. Não farás para ti imagem esculpida, nem figura alguma do que há em cima no céu, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás diante delas, nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam.

3. Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente aquele que tomar o seu nome em vão.

4. Lembra-te do dia do sábado, para o santificar.

5. Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá.

6. Não matarás.

7. Não adulterarás.

8. Não furtarás.

9. Não dirás falso testemunho contra o teu próximo.

10. Não cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo.



EIS UMA PROVA INCONTESTÁVEL DE QUE PAULO NÃO ESTAVA SE REFERINDO AOS DEZ MANDAMENTOS

Vamos derrubar o equivocado entendimento de que Efésios 2 nos diz que Cristo anulou os dez mandamentos citando o próprio livro de Efésios capítulo 6, do versículos 1 ao 3 que nos ordena honrar pai e mãe pois é o primeiro mandamento com promessa. E qual conjunto de leis este mandamento está? No decálogo (Êxodo 20:12).

"Filhos, obedeçam a seus pais no Senhor, pois isso é justo. "Honra teu pai e tua mãe", este é o primeiro mandamento com promessa: "para que tudo te corra bem e tenhas longa vida sobre a terra". - Efésios 6:1-3


Vamos ver de onde o apóstolo tirou esse mandamento

"Honra teu pai e tua mãe, a fim de que tenhas vida longa na terra que o Senhor teu Deus te dá." - Êxodo 20:12



Então, como Paulo diria que Cristo desfez os mandamentos do decálogo se logo depois ele continuou a ensina-los nesta e em diversas outras ocasiões?

Faça os downloads do estudo